23 de mai de 2006

The Girlie Show

Como sou mulher, preciso colocar uma certa "mulherzisse" neste blog. Isso significa que preciso falar mais de homem. Se vocês notam bem, quase não falo deles. É que existem 475638292748 blogs de mulheres falando de homens, e cá entre nós, é um porre. Como toda blogueira procuro audiência, não vinda somente de sites de busca incluindo a pesquisa "garotos de onze anos" em ações indescritíveis.

Homens. Pois não consigo generalizá-los, e como toda mulherzinha que se preza, hoje eu posso achar que homem é a coisa mais lindinha e querida que caminha sobre a terra. Amanhã, posso querer bater a cabeça dele em uma parede de cimento chapinhado. São possibilidades.
Existem tantos livros no mercado sobre "o homem ideal" que considero absolutamente desnecessário ficar discutindo isso. Se eu escrevesse um livro sobre a eterna busca, sairia algo assim:

CAP XVI - O que você queria saber desde o começo do livro, mas foi obrigado a ler todos os capítulos anteriores de farofa que eu escrevi só para lhe provar que sou abalizada no assunto.

Um homem precisa ter um órgão reprodutor do tamanho médio. Isso satisfaz uma mulher de maneira plena. Por favor pare de encher o saco e pedir para ela te dizer o quanto o seu é grande.

Um homem deve saber proteger uma mulher, e jamais utilizá-la como escudo humano em brigas de bar.

Um homem não pode, sob hipótese alguma, chamar uma mulher de "biscoito".

Um homem deve saber dar tapas na bunda. Isso prova que ele será um bom pai e também um bom marido.

Um homem bebe, e sabe beber. Saber beber, entenda, não é somente desviar sua cabeça da mulher quando for vomitar.

Um homem deve saber cozinhar algo comestível. E que não pareça lavagem.

Um homem precisa compreender o que é fazer uma faxina de verdade. E saber para que diabos serve o "alvejante".

Um homem de verdade come carne, e acredita que um bife, acompanhado de outro bife, é uma refeição completa.

Um homem deve obrigatoriamente ser engraçado a ponto de fazer uma mulher engasgar de tanto rir. Isso não envolve aparência física, porque aí é patético. Jerry Lewis não é homem, portanto.

Homens choram. Garotos não choram.

xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

Pronto. Já escrevi um pedaço do capítulo. Posso ficar rica?