29 de mai de 2006

Polido

Sonhei que estava dirigindo um Porsche Carrera preto, conversível. A placa (pois é, eu lembro da placa) era EVA1996. Se alguém tem um porsche com esta placa, favor entrar em contato. Acho que somos almas gêmeas.

**************

Sábado à noite estava com o "namorandão" em um boteco da cidade, quando por volta das 0h apareceu uma turma no recinto, e dos seus integrantes estava claramente bêbado. Bêbado feito um gambá - não sei de onde vêm esta colocação, pois nunca vi um gambá segurando uma garrafa de pinga - e totalmente inconveniente.

Sentaram-se na mesa ao lado. Pois o fato é que ele ( e os amigos ocasionalmante ) repetia duas frases com tanta constância que parecia muito mais retardado do que já era: "Pau no seu cu" e a famigerada "Cada um com seus problema".

Ele conseguia inserir essas frases em qualquer sentença que dissesse, em sequência, de maneira incrível! Vamos aos exemplos:

"Com assim você não acredita em mim? Pau no seu cu! Eu sei que estou certo, você não quer me ouvir, pau no seu cu, cada um com seus problema!"

"O cara comprou um moto toda fodida cara! Eu fui falar com ele, falei 'porra, pau nos seu cu, essa moto tá torta' mas ele nem me ouviu. Eu não vou mais falar com aquele pau no cu, ema ema ema, cada um com seus problema, não é verdade?"

"Eu vou dirigindo Sílvia, pau no seu cu. Eu não tô bêbado, se você quiser vai embora a pé, cada um com seus problema. Você é muito pau no cu" (dirigindo-se à esposa)

"Pau no teu cu cara, pau no teu cu! Você não é melhor do que eu, você tem seus problema, eu tenho os meu! Cara cê é muito pau no cu, se te tirassem 300 conto agora você ia ficar quieto? Pau no seu cu que ia! Então cada um com seus problema."

Uma delícia saber que o mundo está cheio de gente assim.
Gente concisa, educada e querida. Muito querida.