28 de nov de 2006

Ler o post a seguir com sotaque de socialite carioca, sentada em um sofá, em uma cobertura de Copacabana:

O brasileiro está chocado, repito c-h-o-c-a-d-o (colocando a mão no peito lançando um olhar de horror) com o lançamento do próximo filme da Fox "Turistas". Abordando a velha e gasta máxima de "férias que deram errado", o filme mostra amigos que ao chegarem no Rio de Janeiro são assaltados e têm seus órgãos roubados. Que absurdo! Repito (repetir é reforçar) que ABSURDO! Como eles se vêem no direito de apedrejar nossa tão maravilhosa cultura, nossas belezas paradisíacas e digo mais, como têm a audácia de criticar a segurança do Rio de Janeiro. Isso é terrível! Ohn! Muaaah! Terrible!
Agora sim ninguém mais vai vir tomar caipirinha, sambar e trepar com prostitutas de doze anos à beira do Corcovado! Oh, que coisa mais triste!

Imagine você, só porque este ano mataram alguns Turistas na praia para roubar suas bolsas e câmeras digitais, que coisa mais boba gente, isso acontece toda hora em qualquer lugar do mundo! Pelo que eu sei, se você passar pela Fontana de Trevi desavisado, pode tomar uma azeitonada perdida! Mas não é azeitona de bala, é a azeitona mesmo, gente, eles cospem das pizzas em sua direção! Eu ouvi falar da gangue do caroço, sem brincadeira!

E olha, esse lance de sequestro de vans recheadas de turistas já faz parte do Rio sabe, tem todo um esquema bem armado, super-profissional, pra você ver que brasileiro não é ruim nem ingênuo nos negócios.

Oras você não quer vir aqui e viver uma super-aventura? Passar momentos diferentes de tudo que você já viu na vida? Oras gringos, Brasil é a terra a aventura Cross-Road Defying Death and Desease! Yeahhh, hardcore people!

Imagine, os taxistas cobram até 6 vezes mais de um turista para sair do aeroporto até o Hotel! Mas eles não sabem, e o que é 300 reais para eles? Não é nada, os gringos sabem que nossa moeda super-desvalorizada, já viu o preço dos táxis de NY? E mesmo assim milhaaaares de pessoas vão pra lá todo ano! Portanto, super-faturar coisas é uma prática comum em cidades turísticas né?

Os vendedores são agressivos, os gringos reclamam, ah gente, é dinheiro poxa, esses caras são uns favelados! Eles têm mais é que vender, por isso nada mais justo que fiquem apinhados pelas ruas vendendo colares de sementes bichadas por 180 reais oras!

E por falar em favela, olha que super-conceito, "favela-tour", uma das coisas mais legais que o povo criativo brasileiro pode inventar. É o jeitinho brasileiro, viva a favela!

E Viva o Brasil!

-----



Corta a cena, volte sua câmera para mim.

Eu quero mais é que essa porra se exploda.