7 de fev de 2007

Post a secret

Claro que eu não vou postar meus segredinhos mais sórdidos em um blog onde a maioria dos leitores me conhecem pessoalmente. Mas vou postar uma listinha de coisas que eu sinto vontade de fazer e não são tão simpáticas assim. Era de se esperar?


• Sempre tive vontade de acionar alarmes de incêndio. Principalmente o modelo com aquele mini martelinho e uma caixa de vidro. É crime eu sei, mas existem outras coisas que virão nesta lista que são criminosas.

• Toda vez que eu entro em um banco, me imagino assaltando o recinto. Observo a movimentação dos seguranças e monto um plano em minha cabeça, enquanto espero na fila do caixa. Eu entraria com óculos escuros e uma maleta Louis Vuitton. Chiquérrima e acima de qualquer suspeita. Tiro minha Uzi, aponto pro povo e digo "Olá meus queridos! Abaixem devagarzinho, com as mãos na cabeça. Isso é um assalto. Por favor, evitem movimentos bruscos, não quero sujar meus sapatos Prada com o sangue alheio. Obrigada. Agora, mon chérie, abra este cofre."

• Quando vejo um palhaço, tenho vontade de chutá-lo. Não me importa se estiver na porta das Casas Bahia ou no Cirque du Soleil, eu quero dar uma bica.

• Tenho raiva de gente que come fruta no supermercado. A dona ali, comendo um cacho de uvas enquanto circula nos corredores, como quem não quer nada. O senhor respeitável roubando caju da gôndola e cuspindo a semente atrás das garrafas de amaciante. Acho um horror e tenho vontade de dizer "Tu é porco hein amigão? Porco e sem educação. Recolha aquele caroço agora e pague pela porra do caju, seu folgado vagabundo"


• Sempre quis invadir um pet-shop, abrir todas as gaiolas com filhotes de cachorro, deitar no chão e deixar todos os pequenos bichinhos subirem em mim até eu virar uma montanha de filhotinhos. Uma ótima terapia para pessoas nervosas.


• Não agüento olhar pra criança feia. A criança pode fazer gracinhas, tentando ser fofa, pode até se vestir de bichinho da Parmalat. Criança feia é uma tristeza, uma infelicidade. E a mãe lá abraçando, “ai que coisa mais linda” e eu olho e penso “Djizuis, parece um lambari inchado”. Desagradável.